Vaga

Enfermeiras-Materno Infantil (m/f)

Médicos Sem Fronteiras

A Médicos Sem Fronteiras está a recrutar Enfermeiras-Materno Infantil (m/f), para Macomia, em Moçambique.
Descrição
  • Médicos Sem Fronteiras é uma organização humanitária que foi criada em 1971. MSF está presente em Moçambique há mais de 30 anos. MSF Bélgica é activo na área da prevenção e do tratamento do HIV/SIDA a nível da Província de Sofala e cuidados primários de saúde e água e saneamento em Cabo Delgado. A MSF dispõe também da capacidade de reação a vários tipos de emergência. Procura com disponibilidade imediata: Enfermeiras/os Materno Infantil (Midwives)
  • Lugar de trabalho: Macomia – Cabo Delgado, Moçambique
  • N° de Vagas: 2 (Dois)
  • Objectivo: Fornecer atendimento obstétrico a mulheres grávidas e seus bebés, acompanhando antes, durante e após o parto, de acordo com os protocolos de saúde obstétrica e reprodutiva de MSF, padrões universais de higiene e cuidados com o recém-nascido e sob a supervisão de um médico especialista, a fim de garantir a sua condições de saúde e evitar complicações pós-parto
Funções
  • Garantir a implementação e continuidade dos cuidados pré-natais e pós-natais, planeamento familiar, cuidados obstétricos, cuidados com o aborto neonatal e abrangente, tratamento de vítimas de violência sexual, infecções do trato reprodutivo e cuidados com fístula
  • Garantir o fornecimento regular e contínuo de medicamentos e equipamentos necessários para as actividades da maternidade (incluindo monitoramento/controle de consumo/pedido de pedidos)
  • Acompanhar adequadamente todos os recém-nascidos desde o parto até a alta, informando as mães e parentes sobre a importância do aleitamento materno, vacinação e possíveis complicações
  • Gerir emergências obstétricas; identificar os casos que necessitam de encaminhamento e enviá-los a tempo, limpar o recém-nascido, executar e registar os primeiros actos médicos neonatais, detectando possíveis anomalias/infecções do recém-nascido
  • Supervisionar se os procedimentos administrativos de internações e hospitalizações estão em conformidade com os protocolos de MSF
  • Avaliar a viabilidade de encaminhamento de gestantes dos TBAs para o OPD/MCH para avaliação médica e/ou partos complicados
Requisitos
  • Qalificação ou especialização essencial em obstetrícia. Bacharelado Desejado em Obstetrícia
  • Experiência profissional de pelo menos 2 anos como parteira. Desejável com MSF ou outra ONG
  • Conhecimento de Informatica na óptica de utilizador
  • Fluência na Língua Portuguesa. Desejáveis línguas locais: Kimwani, Makwe e Swahili
Notas
  • Apenas candidatos pré-seleccionados serão contactados
  • Indique a fonte desta vaga na sua candidatura: emprego.co.mz
  • Os/As interessado(a)s deverão enviar a carta de candidatura (apresentação) acompanhada de “CV” com referências, certificados e diplomas, fotocópias de BI e NUIT
  • Nenhuma transacção monetária, nem pedidos de favores em espécie, nem outros tipos de favoritismo serão tolerados no processo de recrutamento. MSF reserva-se o direito de recusar a contratação de um candidato que tenha se beneficiado de tais actos. Todas as demandas ilícitas desse tipo podem ser processadas por meio do sistema judiciário
Como se Candidatar
1. Documentação
  • Carta de Apresentação
  • Curriculum Vitae
  • Certificados e diplomas
  • Fotocópias de BI e NUIT
2. Candidatura
Esta vaga não aceita mais candidaturas

Detalhes

  • Entidade Médicos Sem Fronteiras
  • Local
  • Categoria
  • Tags
  • Publicado 14.09.2022
  • Expira 26.09.2022
  • Partilhar vaga por email
  • Reportar erro

Perguntas Frequentes

Como posso candidatar-me a vagas através do emprego.co.mz?

Ler artigo