Vaga

Administrador Nacional (m/f)

Fundación Ayuda en Acción

A Fundación Ayuda en Acción está a recrutar um Administrador Nacional (m/f) para Maputo, em Moçambique.
Funções
  • Gerir os processos de registo da Ayuda en Acción em Moçambique
  • Coordenar os processos de orçamentação, execução e controlo dos recursos financeiros dotados para a Ayuda en Acción de Moçambique
  • Participar na preparação de propostas a serem apresentadas a financiadores externos, principalmente na parte económica
  • Gerenciar os recursos financeiros, humanos e materiais da instituição em conformidade com a legalidade e os actuais sistemas de controlo
  • Controlo e monitorização da execução dos fundos atribuídos pela Ayuda en Acción em Moçambique para a execução dos projectos, quer sejam geridos pela Ayuda en Acción de Moçambique ou pelos Sócios Locais
  • Em coordenação com os outros responsáveis da Ayuda en Acción em Moçambique e a equipa da sede, assegurar a adequada alocação de recursos para o cumprimento eficiente dos objectivos fundadores da entidade
  • Gerir os recursos humanos da Ayuda en Acción em Moçambique, selecção, incorporação, pagamento de salários, formação, licenças temporárias, cessação da relação laboral, etc. de acordo com o cumprimento dos regulamentos aplicáveis
  • Supervisionar e gerir a tesouraria institucional, bem como a elaboração e actualização do inventário
  • Supervisionar e gerenciar a aquisição de bens e a contratação de obras e serviços de acordo com os procedimentos e regulamentos aplicáveis
  • Preparar periodicamente as demonstrações financeiras de acordo com os regulamentos legais e fiscais e com os princípios contabilísticos em vigor no país, bem como com os princípios contabilísticos corporativos
  • Supervisionar a adequada execução dos processos financeiros, contabilísticos e administrativos que são subcontratados a terceiros, para que respondam às necessidades da Ayuda en Acción de Moçambique e sejam prestados em tempo hábil
  • Assegurar o cumprimento de todas as obrigações legais e fiscais da instituição, de acordo com os requisitos e regulamentos da própria instituição, bem como de acordo com o quadro regulamentar a nível local
  • Coordenar o acompanhamento, supervisão e auditoria administrativo-financeira da instituição, tanto a nível interno como externo
  • Gerente de Controlo Interno no país, assegurando a implementação de todos os procedimentos internos do país, bem como o cumprimento do quadro regulamentar interno
  • Reportar periodicamente - pelos canais estabelecidos e ferramentas relevantes - os diferentes relatórios a serem enviados à Sede na Espanha
  • Qualquer outra actividade inerente ao trabalho
Requisitos
  • Estudos superiores em Auditoria, Economia, Administração de Empresas ou Contabilidade
  • Pelo menos 5 (cinco) anos de experiência em posições semelhantes em organizações de cooperação internacional
  • Conhecimentos avançados de contabilidade, gestão de tesouraria, gestão fiscal e orçamentária
  • Conhecimento do quadro jurídico do trabalho, fiscal e contratual em vigor
  • Experiência em gestão de projectos com doadores internacionais (AECID, UE, etc.)
  • Bons conhecimentos do Microsoft Office e da Internet: Excel Avançado
  • Conhecimento do ERP, o conhecimento do SAP será valorizado
  • Carta de condução actual (valoriza-se)
  • Capacidade de diálogo e de construir e manter relações eficazes com a equipa da Organização e com sócios externos
  • Orientação para os resultados
  • Rigor tanto na qualidade da informação como no cumprimento dos prazos estabelecidos
  • Capacidade analítica e de trabalhar em equipa
  • Disponibilidade para viajar e deslocar-se para áreas rurais
  • Flexibilidade horária
Notas
  • Apenas candidatos pré-seleccionados serão contactados
  • Centro de trabalho em Maputo, Moçambique
  • Incorporação imediata
  • Contrato permanente
  • Trabalho a tempo inteiro

Detalhes

Perguntas Frequentes

Como posso candidatar-me a vagas através do emprego.co.mz?

Ler artigo